Lares brasileiros com computador triplicam em 10 anos

Dados divulgados pelo IBGE, do Censo 2010, apontam que os domicílios brasileiros com computador mais que triplicaram em dez anos. Segundo o instituto, o percentual de casas com esses equipamentos saltou de 10,6%, em 2000, para 38,3% em 2010.

O levantamento do IBGE mostra que quase 22 milhões de domicílios tinham computador em 2010, sendo 80% deles com acesso à internet. O instituto constatou que o computador teve o maior crescimento de presença nos domicílios entre os bens duráveis.

Os números constam dos Resultados Preliminares do Questionário da Amostra do Censo Demográfico 2010. O questionário do IBGE foi aplicado em 11% do total de domicílios do País.

O Distrito Federal é a unidade da Federação com o maior número de domicílios com computador: 63% do total. Em segundo lugar vem São Paulo (53%), seguido por Santa Catarina (50%) e Rio de Janeiro (49%). Os estados nordestinos do Maranhão (13%) e Piauí (15%) são os que registram os menores números de computador por domicílio.

Celulares
O IBGE também aponta que, em 2010, a proporção de domicílios brasileiros somente com telefone celular (47,1%) predominava em relação aos que tinham só telefone fixo (4,7%) e aos que tinham fixo e móvel (36,1%).

Entre todos os bens duráveis, apenas a presença do rádio caiu, de 87,9%, em 2000, para 81,4%, em 2010.

André Quintão

Está à frente de vários projetos sociais, desenvolvendo sempre novas ideias para auxiliar pais e mestres na educação de jovens e crianças em todo Brasil. Autor do livro “Pai Real no Mundo Virtual”

Contribua com seu comentário