Somente 21% dos internautas protegem seus dados

microsoft_surfaceA Microsoft divulgou em seu relatório semestral que mais da metade dos entrevistados (55%) enfrentam diversos riscos online e somente 16% protegem seus dados. No Brasil, este índice é de 21% – mesmo que 87% dos entrevistados tenham informado que já enfrentaram algum tipo de ameaça na Web.

De acordo com a Microsoft, menos da metade dos participantes brasileiros da pesquisa (42%) realiza as atualizações de segurança em seus PCs. Esse número é ainda menor (31%) entre os updates para celulares.

A pesquisa também mostrou que 63% dos entrevistados se preocupam com vírus em seus computadores – sendo que desses, 47% utilizam firewalls e 55% possuem antivírus em seus PCs.

Dos participantes, 38% afirmaram visitar sites seguros e 39% evitam o acesso a redes Wi-Fi públicas por meio dos seus dispositivos móveis.

Roubo de senhas ou informações da conta foram citados como uma preocupação por 45% dos entrevistados brasileiros, mas apenas 47% dos participantes atualizam as informações que os ajudam a prevenir roubo de identidade e somente 25% contam com um PIN ou senha para destravar seus dispositivos móveis.

A Microsoft entrevistou mais de 10 mil usuários de PCs, smartphones e tablets em mais de 20 países sobre suas impressões pessoais relacionadas à segurança na web. Os respondentes atribuíram notas em uma escala de 0 a 100. A pontuação global média foi de 34 para segurança online em PCs e 40 para dispositivos móveis – no Brasil, esses números foram 37 e 45, respectivamente.

Países que participaram da pesquisa: Alemanha, Austrália, Bélgica, Brasil, Canadá, China, Coreia do Sul, Egito, Espanha, Estados Unidos, França, Índia, Indonésia, Japão, Malásia, México, Rússia, Singapura, Turquia e Reino Unido.

André Quintão

Está à frente de vários projetos sociais, desenvolvendo sempre novas ideias para auxiliar pais e mestres na educação de jovens e crianças em todo Brasil. Autor do livro “Pai Real no Mundo Virtual”

Um comentário em “Somente 21% dos internautas protegem seus dados

  • 17 de julho de 2013 em 02:51
    Permalink

    O MCSI entrevistou mais de 10 mil usuários de PCs, smartphones e tablets, em mais de 20 países sobre suas impressões pessoais relacionadas à segurança na web, que atribuíram notas em uma escala de 0 a 100 em suas respostas. A pontuação global media foi de 34 (37 no Brasil) para segurança online em PCs e 40 para dispositivos móveis (45 é o dado local). Uma síntese do estudo está disponível no Microsoft Computing Safety Index Survey para que as pessoas possam avaliar quão seguras estão quando navegam na Internet.

    Resposta

Contribua com seu comentário